Home»REGIÃO»Baixada Santista»Prefeitura de Santos sanciona lei para homenagear Esmeraldo Tarquínio

Prefeitura de Santos sanciona lei para homenagear Esmeraldo Tarquínio

Importante homem da vida pública da região, ele será elevado à condição honorífica de Prefeito Municipal de Santos, pois, eleito em 1968, foi cassado  pela ditadura militar antes de tomar posse.

Da Redação

Uma das grandes injustiças cometidas pelo ditadura militar será reparada. A prefeitura de Santos, no litoral e São Paulo, realizará um ato para sancionar a lei que reconhece a  memória de Esmeraldo Soares Tarquínio de Campos Filho à condição honorífica de “Prefeito Municipal de Santos”. Nascido em São Vicente em 12 de abril de 1927, Tarquínio teve importante papel na vida pública santista, sendo vereador, deputado estadual, além de advogado, despachante aduaneiro e jornalista.

Eleito prefeito de Santos, com aproximadamente 45 mil votos, em 1968, foi cassado pelo regime militar antes mesmo de tomar posse. Esmeraldo Tarquínio faleceu no dia 10 de novembro de 1982, vítima de AVC. A iniciativa foi do prefeito Paulo Alexandre Barbosa, que encaminhou projeto de lei nesse sentido à Câmara Municipal, que, por sua vez, aprovou a propositura. O evento que celebra sua memória será realizado na próxima segunda-feira (17-7, no Salão Nobre que leva seu nome, no Palácio José Bonifácio, 1º andar, no Centro de Santos.

Foto: Sindaport

Comentários

Comentários

‘Beatles para Crianças’ põe o público para se divertir em Santos

Próximo

This is the most recent story.