Home»REGIÃO»Baixada Santista»Ouça aqui: Em grampo, prefeito tucano de Santos é acusado de pedalada maior que a de Dilma

Ouça aqui: Em grampo, prefeito tucano de Santos é acusado de pedalada maior que a de Dilma

“O déficit do ano passado, eles fizeram uma manobra contábil de pegar o dinheiro do fundo do IPREV e colocar no fechamento de 2016. Esta é a maior pedalada, mais do que a da Dilma”, e conclui colaborando com o interlocutor: “Quer foder ele no impeachment? Esta é a pedalada do ano passado”.

Da Redação

O vereador santista Boquinha (PSDB) (Foto) foi pego em grampo telefônico denunciando suposta pedalada fiscal cometida pelo prefeito tucano Paulo Alexandre Barbosa. No áudio, Boquinha acusa a administração de usar dinheiro do IPREV, o fundo de previdência dos servidores municipais, para cobrir o déficit público.

“O déficit do ano passado, eles fizeram uma manobra contábil de pegar o dinheiro do fundo do IPREV e colocar no fechamento de 2016. Esta é a maior pedalada, mais do que a da Dilma”, e conclui colaborando com o interlocutor: “Quer foder ele no impeachment? Esta é a pedalada do ano passado”.

Durante a conversa, Boquinha ainda corrige dados publicados pelo jornal A Tribuna, de que o déficit da prefeitura seria de R$ 59 milhões. “O déficit não é de R$ 59 milhões. O déficit é de R$ 189 milhões”.

Comentários

Comentários

Caixa Econômica antecipa para sábado (08) saques do FGTS

Uma noite de mentiras e traições na Câmara Municipal de Santos