Home»REGIÃO»Grande SP»Convenção oficializa candidatura de Jorge Lapas à reeleição

Convenção oficializa candidatura de Jorge Lapas à reeleição

Cerca de 15 mil pessoas participaram de evento que ocorreu na zona sul da cidade.  Atual prefeito apresentou candidato a vice Luciano Camandoni

Da Redação

Cerca de 15 mil pessoas participaram da Convenção Municipal do PDT – Partido Democrático Trabalhista, no sábado (30/07), durante a qual foi homologada a candidatura do prefeito de Osasco, Jorge Lapas à reeleição, a do vice-prefeito, Luciano Camandoni, e dos candidatos a vereador do Movimento “Somos Todos Osasco”.

No ginásio da Fito zona Sul, filiados dos 17 partidos aliados (PDT, PV, PHS, PMDB, PP, PSC, PRB, PTC, PSB, PT do B, PC do B, PSD, PROS, PSL, PTB, PSDC e PRTB), compareceram durante todo o dia para a votação dos candidatos e a deliberação que estabelece o início do processo democrático com a escolha da coligação.

De acordo com Lapas, a idoneidade e capacidade de unir a classe empresarial e sociedade foi um dos pontos determinantes para a escolha de Luciano Camandoni. “Luciano nos ajudará a fazer alianças importantes, com uma visão inovadora, despojada, voltada para o futuro com ênfase na ampliação das conquistas sociais”, disse.

Lapas agradeceu aos amigos presentes, que reafirmaram a confiança no projeto de desenvolvimento e continuidade de crescimento para Osasco. “Não tem coisa mais gratificante que chegar aqui e ver tantos rostos de pessoas amigas nos apoiando e se envolvendo no movimento ‘Somos Todos Osasco’”, destacou.

“Aceitei estar ao lado do Lapas por acreditar na política de honestidade e na competência que mostrou nesses quatro anos à frente do governo. Muitas vezes estivemos juntos em momentos difíceis, nos quais ele honrou o compromisso e ressaltou seu amor pela cidade onde nasceu e aprendeu a lutar em prol dos menos favorecidos”, afirmou o candidato a vice-prefeito, Luciano Camandoni.

Entre as lideranças políticas que marcaram presença estiveram os deputados estaduais, Gilmaci Santos e Ângelo Perugini, federais Antônio Bulhões e Orlando Silva e o presidente nacional do PSDC, José Maria Eymael.

Comentários

Comentários

BID libera R$ 80 milhões para mobilidade de Santo André

Investigação do MP contra Rogério Lins, candidato em Osasco, revela esquema de funcionários fantasmas