Home»Destaque»PP anuncia apoio a João Doria e ganha secretaria no governo Alckmin

PP anuncia apoio a João Doria e ganha secretaria no governo Alckmin

Líder do grupo Endireita Brasil, que ofereceu dinheiro no início do ano a quem hostilizasse Ciro Gomes e fizesse um vídeo da agressão, Ricardo Salles assume a Secretaria de Meio Ambiente

Por Redação

Principal articulador da candidatura do socialite João Doria à Prefeitura de São Paulo, o governador Geraldo Alckmin entregou na última segunda-feira a Secretaria do Meio Ambiente de sua gestão para o PP, um dos partidos que já anunciou seu apoio a Doria nas eleições municipais deste ano.

Ex-secretário particular de Alckmin e líder do grupo Endireita Brasil, Ricardo Salles foi escolhido para assumir o cargo. Ele substitui a Patricia Iglecias, uma técnica com currículo respeitado na área.

A troca causa preocupações entre as entidades ambientalistas. Além de lamentarem a “utilização da Secretaria do Meio Ambiente do Estado de São Paulo como moeda de troca por apoios políticos para a campanha eleitoral municipal deste ano”, 250 ONGs da área lamentaram a substituição de uma profissional especializada por um político sem experiência no setor.

O governador Geraldo Alckmin negou que a escolha de Salles seguisse a uma lógica eleitoral. O grupo do novo secretário causou polêmica no início deste ano ao oferecer dinheiro para quem hostilizasse o ex-ministro Ciro Gomes (PDT) e filmasse a agressão. Nas redes sociais, o Endireita Brasil chegou a publicar o endereço do restaurante onde Ciro jantava naquele momento.

Comentários

Comentários

Licitação de Aeroporto Civil de Guarujá é suspensa

Após ser cassada, Vanessa Damo é nomeada superintendente do Ibama