Home»REGIÃO»Capital»Casarão Celso Garcia vai se transformar em casa de cultura

Casarão Celso Garcia vai se transformar em casa de cultura

Após obras de restauro e acessibilidade, o local passará a receber eventos com atividades culturais e de capacitação

Da Redação

No último sábado, 17, o prefeito Fernando Haddad (PT) anunciou que o Casarão Celso Garcia passará por restauração para se transformar em uma casa de cultura. Equipes do Departamento de Patrimônio Histórico prepararam um projeto de recuperação e ocupação em diálogo com a população. Segundo Haddad, esse é um projeto muito importante para a região do centro. “Devemos este investimento para esta região do Brás, que gera tanto emprego e oportunidade, mas que é muito carente em equipamentos de cultura”, afirmou.

O local receberá intervenções de limpeza, estabilização e proteção. Após esses serviços, o casarão receberá obras de restauro e de acessibilidade. A intervenção é financiada com recursos de R$ 2 milhões do Ministério da Cultura, obtidos por meio de emenda da deputada federal Luiza Erundina. A previsão é que as obras duram cerca de um ano.

Depois do restauro, o equipamento cultural contará com duas salas multiuso, um telecentro, um ateliê de costura e dois ateliês multiuso, brinquedoteca, auditório e estúdio de música. A intervenção integra a meta 27 do Programa de Metas 2013-2016, que prevê a construção, requalificação ou reforma de 16 equipamentos culturais.

Arquitetura

A casa, conhecida no bairro como Casarão Cutrale ou antiga delegacia do Belenzinho, é um exemplo da arquitetura da Capital no início do século 20. O imóvel integra uma Zona Especial de Preservação Cultural (ZPEC).Segundo o secretário de cultura Nabil Bonduki, há 26 anos, foi iniciada a desapropriação desta área, que estava ocupada por um cortiço em que viviam 58 famílias. “Foi desenvolvido um projeto habitacional em seis lotes em torno do casarão, em uma ação pioneira por compatibilizar as moradias com a preservação de um imóvel histórico”.

Comentários

Comentários

Manifestações, diversão e música marcam primeiro domingo de Avenida Paulista aberta

Haddad desapropria edifício Prestes Maia para ser reformado e devolvido às famílias