Home»REGIÃO»Capital»Câmara no Seu Bairro leva mais de 500 pessoas ao CEU Campo Limpo

Câmara no Seu Bairro leva mais de 500 pessoas ao CEU Campo Limpo

Vereadores ouviram as principais reivindicações dos moradores do Campo Limpo, Capão Redondo e Vila Andrade no primeiro encontro do projeto

Por Guilherme Franco

Neste sábado (7), o CEU (Centro Educacional Unificado) Campo Limpo, na zona Sul de São Paulo, recebeu a primeira sessão do Câmara no Seu Bairro, projeto que tem o objetivo de ouvir os cidadãos e aproximá-los do Legislativo municipal. No encontro, estiveram presentes moradores do Campo Limpo, Capão Redondo e Vila Andrade, distritos que compõem a área abrangida pela subprefeitura local.

O presidente da Câmara Municipal de São Paulo, Antonio Donato (PT), explicou a importância de conhecer e dialogar a respeito das demandas da região com a população. “Nosso objetivo é que o cidadão tenha voz. A Câmara, como instituição, precisa se aproximar do povo. Uma forma de combater esse desencanto das pessoas com a política é justamente aproximá-las dessa questão. É um processo necessário para o País”, destacou.

Antonio Donto (PT),  presidente da Câmara, explicou que o objetivo do projeto é aproximar o Legislativo do paulistano
Antonio Donato (PT), presidente da Câmara, explicou que o objetivo do projeto é aproximar o Legislativo do paulistano

Donato também explicou que, por meio de parceria entre Câmara, Executivo e a subprefeitura da região, serão mapeadas e encaminhadas todas as reivindicações. “Todas as demandas serão ouvidas pela Câmara Municipal, que será uma parceira daquele bairro durante as discussões do orçamento. É evidente que ela não é o Executivo, mas tem a condição de cobrar, fiscalizar e eventualmente, propor leis que facilitem a concepção de alguns desses objetivos”, acrescentou.

A sessão foi dividida em duas partes. Na primeira, os vinte vereadores presentes puderam expor suas ideias como nas sessões de pequeno expediente da Câmara. Na segunda parte, a Tribuna Popular, cada cidadão inscrito teve até três minutos para tratar de assuntos de interesse local, apresentar propostas e sugestões.

Entre as principais reivindicações das cerca de 500 pessoas que compareceram ao encontro, destaca-se melhorias na Saúde, área bastante criticada pelos presentes. Além disso, demandas relativas a questões como creches, presença de universidades, moradia, poluição sonora e melhorias no saneamento básico e na estrutura viária da região estiveram entre os principais pontos debatidos.

Todas as semanas um bairro da capital receberá vereadores e representantes da Câmara. No total, serão realizadas 32 sessões até o final do ano. As próximas serão em São Miguel (14/3), Pirituba (21/3) e Jaçanã/Tremembé (28/3).

Comentários

Comentários

De periferia para periferia, de mulher para mulher, a luta

SP recebe programação especial em homenagem ao dia internacional da mulher