Home»REGIÃO»Baixada Santista»Blogueiro que denunciava corrupção é assassinado em Ubatuba

Blogueiro que denunciava corrupção é assassinado em Ubatuba

O jornalista Marcos de Barros Leopoldo Guerra, que mantinha o blog de denúncias Ubatuba Cobra, foi morto a tiros em sua residência na véspera de Natal; nada foi roubado e a família afirma que ele já vinha sofrendo ameaças 

Por Redação

O blogueiro e jornalista Marcos de Barros Leopoldo Guerra, editor do blog Ubatuba Cobra, foi assassinado em sua residência em Ubatuba na noite do último dia 24 de dezembro. De acordo com testemunhas, dois homens ainda não identificados invadiram sua casa e o alvejaram com três disparos, tirando sua vida na hora. Nada foi roubado.

Desde 2005, Guerra tecia em seu blog críticas a autoridades locais, expunha problemas da cidade e fazia denúncias de corrupção. O slogan do blog é, inclusive, “cobrar resultados também é exercer cidadania”.

De acordo com o pai da vítima, que estava em outro cômodo da casa no momento do assassinato, o jornalista já vinha sendo ameaçado pelas denúncias que publicava na página.

A Polícia Civil, que está investigando o caso, não descarta a possibilidade de o crime ter relação com a atuação profissional do blogueiro.

No blog, a Rede Amarribo, que reúne organizações que atuam contra a corrupção, publicou uma nota de luto.

“A noticia é triste por si só, mais triste ainda porque era um ativista social que desde 2010 vinha lutando contra a corrupção em Ubatuba e mais triste ainda, pelo arrojo dos algozes canalhas ao fazerem isso na data do Natal, quando o que se celebra é o amor, a paz, a fraternidade.
 
Os ativistas sociais, são verdadeiros heróis, que lutam sozinhos, sem amparo da Justiça. As leis protegem os “fora da Lei”. A impunidade é combustível poderoso para os bandidos. Mudar as Leis, não é fácil, estamos tentando há 15 anos. Poucos avanços, mas os corruptos e assassinos ainda tem mais proteção da Justiça e das Leis, do que os que lutam contra esse mal.
 
A Rede AMARRIBO-IFC está enlutada nesse momento e solicita às autoridades que façam prevalecer a Justiça para que continuemos acreditando nesse País.
 
À família nossos mais profundos sentimentos de pesar e que reÚnam forças para subsidiar a Justiça na busca pelos assassinos e seus mandantes”, diz o post. 
Até agora, nenhum suspeito foi localizado.
Foto: Reprodução/Facebook 

 

Comentários

Comentários

Sabesp distribui dispositivo de torneira para economizar água.... Mas que água?

Prefeitura de São Paulo libera corrida de táxi com preço combinado