Home»REGIÃO»Capital»Donato é eleito presidente da Câmara de SP: “Vamos aproximar a Casa do cidadão”

Donato é eleito presidente da Câmara de SP: “Vamos aproximar a Casa do cidadão”

Ex-secretário do prefeito Fernando Haddad (PT) vai liderar o legislativo paulistano no biênio 2015/2016 

Por Guilherme Franco 

O vereador Antonio Donato (PT) foi eleito presidente da Câmara Municipal de São Paulo nesta segunda-feira (15). O petista foi o único candidato ao posto e recebeu os votos de 46 dos 47 parlamentares presentes. Dessa forma, o Partido dos Trabalhadores, que tem a maior bancada da casa – 11 vereadores –, continua com o controle da mesa diretora. Donato vai suceder José Américo, que deixará o cargo no fim do ano, depois de seu segundo mandato (2013/2014).

Em seu discurso como presidente da casa, Donato destacou que a prioridade para a próxima mesa diretora é “aproximar a instituição Câmara Municipal dos cidadãos”. Segundo ele, “o objetivo é fazer sessões do Legislativo nas 32 subprefeituras, reunindo os conselhos de representantes, as associações de bairro para dialogar os objetivos, realidades e demandas de cada bairro”, garante.

A discussão em torno da nova lei de uso e ocupação do solo também foi destacada pelo presidente eleito. “É extremamente importante se espelhar na experiência do Plano Diretor Estratégico, ocasião em que houve um debate recorrente sobre o tema. No início de 2015 o prefeito Fernando Haddad vai entregar à casa a futura lei do zoneamento, um assunto que deve ser prioritário para a Câmara, esclareceu Donato.

O vereador ainda exaltou a importância da reforma política. Na sua avaliação, os vereadores de São Paulo têm todas as condições de colaborar com ideias para este debate. “A Câmara Municipal de São Paulo tem todas as condições para discutir os temas relevantes em níveis nacionais. Temos uma democracia consolidada, mas todos reconhecem que são necessárias mudanças no sistema político atual”, concluiu.

Além de Antonio Donato, os parlamentares que constituem a nova mesa diretora são Edir Sales (PSD) na vice-presidência, Toninho Paiva (PR) na segunda vice-presidência e Aurélio Nomura (PSDB) na primeira secretaria. Paulo Frange (PTB) será o segundo secretário, enquanto Eduardo Tuma (PSDB) assume como primeiro suplente e Noemi Nonato (PROS) como segundo suplente. Assim como a eleição para a presidência da Câmara, todos os candidatos foram eleitos sem candidatura opositora.

Trajetória política

Donato cumpre o segundo mandato de vereador. Entrou no PT no início da década de 1980, quando militava no movimento estudantil na Universidade de São Paulo, onde foi membro do Diretório Central dos Estudantes. Na gestão Marta Suplicy trabalhou como assessor especial do Gabinete da Prefeita e compôs o grupo responsável pelo projeto de descentralização administrativa, que deu origem à Secretaria das Subprefeituras e às 31 subprefeituras da cidade.

Foi secretário das Subprefeituras no ano de sua criação, em 2003. Donato presidiu a CPI dos Eventos, foi membro das Subcomissões dos Pólos Geradores de Tráfego e do Lixo e, em 2008, foi o 1º Secretário da Mesa Diretora do Legislativo. Atualmente, é o presidente do Diretório Municipal do PT.

Foto: Renato de Souza/Câmara de São Paulo

Comentários

Comentários

São Carlos: Ativistas bloqueiam rodovia e pedem punição dos torturadores da ditadura

Sabesp: A campeã em falta de transparência