Home»Sem categoria»Vereador tucano sobre CPI da água: “Não tem a menor consequência”

Vereador tucano sobre CPI da água: “Não tem a menor consequência”

Áudio captado de conversa entre Andrea Matarazzo e presidenta da Sabesp mostra desdém do PSDB com comissão que investiga a crise hídrica no estado. “É um teatrinho”, afirma a dirigente

Por Redação

Vazou um áudio que flagra uma conversa entre o vereador Andrea Matarazzo (PSDB) com a presidenta da Sabesp, Dilma Pena, durante a CPI da Água, na Câmara Municipal. No diálogo, o tucano tranquiliza a dirigente e afirma que a investigação promovida pelos parlamentares “não tem a menor consequência.”

Diante do comentário de Matarazzo, Dilma emenda: “É um teatrinho”, o tucano rebate: “Totalmente”. O flagrante foi divulgado pela Folha de S. Paulo, nesta quarta-feira (15).

Ainda na mesma conversa, Matarazzo comenta a atuação do vereador Police Neto (PSD). “Ele é um sem-vergonha, a gente ajudou ele tanto e ele jogou os pés no nosso peito”. Em seguida, o tucano emenda. “Dilma, vai por mim, não se impressione. A consequência é zero, nada.”

Police Neto já divulgou que pretende processar Dilma, que “sofre de racionamento ético e moral. A CPI fica pequena frente à agressão. Difamação é a arma de que tem baixa reputação.”

Para o vereador Nabil Bonduki (PT), o comentário foi uma “infelicidade”. “A CPI tem que fazer a averiguação da situação. A CPI tem que ser séria que dê resultados. Não podemos aceitar que alguém ache que ela não serve para nada.”

Veja o vídeo, com o áudio vazado:


Imagem de capa: Dilma Pena (Crédito: Alesp)

Comentários

Comentários

Em Sumaré, médico diagnostica paciente com "falta de ocupação"

Para ex-secretário, Secretaria de Segurança Pública é "um verdadeiro lixo"