Home»Sem categoria»Truculência: PM é presa depois de balear idoso

Truculência: PM é presa depois de balear idoso

Durante abordagem, policial atirou duas vezes para o alto e um terceiro disparo atingiu o pai de uma adolescente neste domingo (10) 

Por Redação 

Graças a falta de preparo da Polícia Militar paulista, que resolve conflitos à bala, Mario Aparecido dos Santos não teve motivos para comemorar esse dia dos pais. Isso por que o idoso foi atingido, em frente sua a sua residência, em Itaquera, por um disparo de arma de fogo feito por uma policial. A agente já foi presa e o homem, por sua vez, segue internado em estado grave no Hospital Santa Marcelina.

O caso aconteceu neste domingo (10), no final da tarde. De acordo com a PM, um casal a bordo de uma motocicleta não obedeceu o sinal de parada dos policiais e seguiu em frente. Conduzindo o veículo, estava Willian Costa de Araújo Ferreira, que possui passagem por roubo e cumpre a pena em regime aberto, e Carina, a adolescente que é filha do senhor baleado.

Ferreira só parou a motocicleta em frente a casa de Carina e, durante a abordagem, os moradores da vizinhança teriam hostilizado os policiais. Para tentar conter a situação, uma agente sacou a arma e atirou duas vezes para o alto. Um terceiro disparo, porém, atingiu o pai da adolescente, Mario Aparecido dos Santos. O idoso foi socorrido pelos próprios moradores, que o encaminharam ao hospital.

A Polícia Militar  informou que as circunstâncias dos disparos serão analisadas e julgadas. A policial, por sua vez, alegou que “teve o braço puxado”.

Comentários

Comentários

Osesp faz 60 anos em setembro e tem programação comemorativa especial

Agora! Dilma recebe estudantes em SP