Home»Sem categoria»Suposta guerra entre PM e PCC faz crescer número de homicídios em Sorocaba

Suposta guerra entre PM e PCC faz crescer número de homicídios em Sorocaba

Foram 56 assassinatos nos quatro primeiro meses deste ano, quase o equivalente a todo o ano de 2013

Por Redação

Os índices de homicídio em Sorocaba dispararam neste começo de ano. Foram 56 assassinatos nos quatro primeiro meses do ano, quase que o equivalente a todo 2013, quando 61 pessoas morreram neste tipo de crime. Contribuiu para o aumento, a suposta guerra que se instalou na periferia da cidade entre a Polícia Militar e o Primeiro Comando da Capital.

No dia 27 de abril, um PM foi morto e outro ficou ferido em um ataque que, segundo as autoridades, teria sido planejado pelo PCC em resposta a uma apreensão de armas e drogas. Três suspeitos foram presos e um continua foragido. Nos dias seguintes, 14 pessoas foram executadas em diversos pontos da cidade, em possível retaliação da polícia.

A Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo registrou um aumento de 194% nos homicídios dolosos em relação ao ano passado. Em abril, somadas as execuções, foram ao todo 25 casos de homicídio doloso, o que fez desse o mês mais violento dos últimos cinco anos em Sorocaba.

Houve também grande aumento no número de homicídios entre março deste ano e do ano passado, e novamente com suspeita de envolvimento policial, já que um PM foi assassinado no início do mês. A maioria das 17 mortes de março deste ano permanece sem esclarecimento, e estão sendo investigadas pela Polícia Civil.

Com informações do Estado de S. Paulo

(Foto:  Edson Lopes Jr./ GESP)

Comentários

Comentários

“A polícia acha que manifestação é algo ilegal”

Sexo em SP: festival PopPorn chega a sua 4ª edição