Home»Política»“Queremos politizar o debate nas redes”, diz dirigente petista sobre Camping Digital

“Queremos politizar o debate nas redes”, diz dirigente petista sobre Camping Digital

Evento discute a militância política em tempos de redes sociais e as novas formas de comunicação que a internet possibilita

Por Marcelo Hailer

Acontece neste final de semana, na cidade de São José dos Campos, o Camping Digital, ação organizada pelo Partido dos Trabalhadores do Estado de São Paulo (PT-SP). De acordo com o secretário de Comunicação do PT-SP, Aparecido Luiz da Silva, que também é conhecido como Cidão, o objetivo central do evento é “capacitar a militância nos uso das redes sociais”. O encontro deve reunir cerca de duas mil pessoas.

No evento serão promovidas mais de 50 atividades entre oficinas, debates e análises sobre tecnologia, internet, criptografia, legislação e comunicação digital. Entre os debatedores estão confirmados o ex-ministro da Secretaria de Comunicação do Governo Federal, Franklin Martins; o ex-ministro dos Direitos Humanos e membro da Comissão Interamericana de Direitos Humanos da OEA, Paulo Vannuchi; o jornalista Paulo Henrique Amorim; o também jornalista Fernando Morais.

Além destes nomes vão estar por lá Miguel do Rosário, do blog “O cafezinho”; Renato Rovai, do Blog do Rovai; Jeferson Monteiro, criador do personagem Dilma Bolada. O sociólogo e especialista em criptografia e vigilância na rede, Sergio Amadeu (UFABC), ministra palestra sobre criptopolítica e liberdade na internet.

Assim que o evento foi divulgado, alguns setores da imprensa o acusaram de ser uma ação pré-campanha ao governo do Estado de São Paulo, onde o PT terá como candidato o ex-ministro da Saúde Alexandre Padilha. Ao SPressoSP, o secretário de comunicação do PT-SP, disse que se trata de um “evento de formação e capacitação para os militantes melhor utilizarem as redes sociais”. “Queremos também fazer um bom debate político e este debate não vai acontecer na grande imprensa, que só deturpa as coisas”, afirmou Cidão.

Cidão também declarou que o Camping Digital visa fazer uma discussão sobre a rede e a comunicação na internet. “O Camping é também um debate sobre uma nova forma de comunicação que são as redes sociais e de como elas possibilitam que a gente responda os ataques, e que também realize uma nova comunicação com a sociedade”, analisou o dirigente petista.

O evento tem também o objetivo de levar o grosso da militância petista às redes sociais. “O PT já é uma grande rede social, basta ver a sua história com os movimentos sociais, sindical. Ou seja, o PT já está na sociedade. E agora queremos capacitar essa militância para as redes sociais. Estabelecer uma nova forma de comunicação e politizar este debate”, finalizou Cidão.

Além de todo o debate político, há também uma programação cultural com teatro, exposições e sarau. Na música, destaque para os shows de O Teatro Mágico, Nelson do Triunfo e o grupo Racionais MC’s.

Para mais informações, clique aqui.

 

Comentários

Comentários

Não é de um aeroporto que o extremo sul de São Paulo precisa

Drogas: política de Alckmin se baseia em modelo fracassado nos EUA, diz psiquiatra