Home»Sem categoria»Segurança da posse e financeirização da produção habitacional

Segurança da posse e financeirização da produção habitacional

Por Raquel Rolnik 

Na próxima quarta-feira, dia 24, realizarei mais uma consulta pública sobre segurança da posse no Palais des Nations, em Genebra. A consulta faz parte do novo estudo temático que estou desenvolvendo como Relatora da ONU para o Direito à Moradia Adequada. Também é possível enviar sugestões e contribuições a este estudo pela plataforma virtual de debates no site da Relatoria. Para participar, basta se cadastrar no site e entrar na página do debate.

Os links para o debate são estes: PortuguêsInglêsEspanhol. O relatório sobre segurança da posse e direito à moradia será publicado e apresentado apenas no próximo ano.

E ainda este mês sigo para Nova York, onde apresentarei à Assembleia Geral da ONU, no dia 29, meu último relatório temático, sobre financeirização da produção habitacional e direito à moradia. Antes disso, porém, na próxima sexta-feira, 26, participarei de debate sobre este tema na City University of New York (CUNY). O evento está sendo organizado por ativistas do direito à moradia, acadêmicos e organizações da sociedade civil, e será transmitido ao vivo neste link. Para mais informações, clique aqui.

Neste relatório, eu analiso o paradigma predominante das políticas de habitação, com foco no financiamento como o principal meio de fomentar a casa própria, e os impactos que essas políticas têm sobre o direito à moradia adequada para pessoas que vivem na pobreza.

Para ler o relatório, clique aqui.

Raquel é urbanista, professora da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo e relatora especial da Organização das Nações Unidas para o direito à moradia adequada.

Leia também:

Algo de novo na geografia do voto paulistano?

Bom Retiro 958 metros: a vertigem da cidade real

Comentários

Comentários

CPI do Belas Artes debate desapropriação do imóvel

Campinas: Justiça confirma que candidato defende trabalho infantil