Home»REGIÃO»Capital»Datafolha: Russomanno desce a ladeira e embola a disputa na reta final do 1° turno

Datafolha: Russomanno desce a ladeira e embola a disputa na reta final do 1° turno

Candidato do PRB está tecnicamente empatado com Serra, que, por sua vez, está empatado tecnicamente com Haddad

Da Redação

Russomanno atingiu seu menor percentual de intenções de voto desde o início oficial das eleições (Foto: Rafael Branquinho / www.camara.gov.br)

O Datafolha divulgou nesta quarta, 4, sua mais recente pesquisa de intenções de voto para a cidade de São Paulo. A pesquisa, encomendada pela TV Globo e pelo jornal Folha de S. Paulo, apontou que o candidato líder nas pesquisas, Celso Russomanno (PRB), atingiu seu menor índice de intenções de voto desde o início das eleições.  O Datafolha ouviu 2.099 pessoas entre os dias 2 e 3 de outubro.

Leia também:

Haddad vence Serra na USP por 25% a 15%

Festival inédito mobiliza contra candidatura de Russomanno

Russomanno, que no último levantamento do Datafolha tinha 30% das intenções de voto, caiu para 25% e está tecnicamente empatado com José Serra (PSDB), que subiu um ponto percentual e atingiu o patamar de 23%. O tucano está tecnicamente empatado com Fernando Haddad, que também subiu um ponto percentual em relação à última pesquisa do instituto e chegou a 19% das intenções de voto. A pesquisa tem margem de erro de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Veja como ficou o resultado da última pesquisa Datafolha

Celso Russomanno (PRB) – 25%

José Serra (PSDB) – 23%

Fernando Haddad (PT) – 19%

Gabriel Chalita (PMDB) – 11%

Soninha (PPS) – 4%

Carlos Giannazi (PSOL) – 1%

Paulinho da Força (PDT) – 1%

Levy Fidelix (PRTB) – 1%

Em branco/nulo – 8%

Não sabe – 6%

Os demais candidatos não pontuaram na pesquisa.

Rejeição

A pesquisa também perguntou aos entrevistados em qual candidato eles não votariam de jeito nenhum. O campeão de rejeição continua sendo o tucano José Serra, com 45% de rejeição do eleitorado paulistano.

Serra é seguido por Celso Russomanno, com 26%, e Fernando Haddad, com 25%. Na sequência aparecem Paulinho da Força (22%), Soninha (22%), Levy Fidelix (22%), Eymael (19%), Ana Luiza (16%), Miguel (15%), Chalita (15%), Anaí Caproni (14%) e Carlos Giannazi (13%).

Segundo turno 

O Datafolha simulou três cenários para a disputa de um provável segundo turno em São Paulo. A pesquisa apontou que Fernando Haddad é o candidato com maiores chances de vencer o líder das pesquisas de intenção de voto, Celso Russomanno, no segundo turno.

De acordo com o instituto, o candidato petista perderia para Russomanno por nove pontos. Enquanto José Serra seria derrotado pelo candidato do PRB por 12 pontos de diferença.

Em caso de um embate entre Serra e Haddad no segundo turno, o candidato petista sairia vitorioso, com 44%. Já o tucano teria 39% dos votos.

Comentários

Comentários

Justiça bloqueia bens do presidente da FDE e seu filho, candidato tucano à Prefeitura de Taubaté

Estudantes seguem com vigília contra despejo na USP